Bem-vindo Visitante

INSS já tem 265 novas agências em construção

Data: 08/01/2010
Das 720 agências previstas no Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX) do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), 265 (36,8%) já estão em construção. Além dessas, até o dia 7 de janeiro, o INSS havia publicado mais 167 licitações para a contratação das empresas que vão construir outras novas unidades.

As licitações são realizadas localmente pelas 100 gerências executivas do instituto espalhadas pelo país e o objetivo é impulsionar a economia local com a contratação de empresas da região. Para a construção das 720 agências incluídas no PEX, estão previstos investimentos de R$ 606 milhões.

A construção das novas unidades é de responsabilidade do INSS e, como contrapartida, as prefeituras doam os terrenos. O imóvel deve ter área mínima de mil metros quadrados e localização de fácil acesso à população.

Além das obras contratadas e das licitações publicadas, o INSS lavrou escritura de mais 120 terrenos, legalizando a situação da área doada. Outras 76 áreas já foram aprovadas pelos legislativos locais e apenas três projetos para doações dos imóveis aguardam apreciação. Antes de iniciar as licitações o INSS procede toda a regularização dos terrenos.

O Departamento de Engenharia do INSS está vistoriando 46 terrenos, outros 36 estão em fase de negociação e apenas sete municípios não doaram terrenos até o momento.

Reforço - Com a expansão da rede serão beneficiadas cerca de 30,8 milhões de pessoas que moram em 720 municípios com mais de 20 mil habitantes que não possuem unidades fixas do INSS. O plano de expansão irá reforçar o atendimento previdenciário, estendendo a presença da Previdência Social. Hoje, existem em todo o país 1.122 agências fixas, que estão instaladas em 951 municípios, inclusive a APS Tauá, a primeira do PEX a ser concluída. Com a expansão, serão 1.841 unidades, com equipes treinadas, trabalhando para manter a qualidade dos serviços previdenciários oferecidos à população.

As novas agências estão sendo construídas em um padrão único com o objetivo de oferecer aos segurados espaços amplos e confortáveis. Todas as APS contam com dispositivos de segurança, acesso facilitado a pessoas com deficiência, sinalização interna, mobiliário novo e equipamentos de informática.

Além do Plano de Expansão, a rede de atendimento da Previdência Social está passando por um amplo processo de recuperação e modernização. Todas as agências estão sendo reformadas, ampliadas ou, até mesmo, transferidas para prédios próprios. Até 2010, serão executadas 492 obras, com investimentos previstos de R$ 476,8 milhões. Além de proporcionar mais conforto a segurados e servidores, a iniciativa tem como finalidade garantir celeridade na análise para concessão e manutenção dos benefícios previdenciários.

Fonte: ACS/MPS


Email
Estado